Pular para a barra de ferramentas

Flacidez: como escapar dela?

Flacidez: como escapar dela?

Flacidez facial e corporal. O que fazer para vencê-la?

Uma das queixas mais comuns que a gente tem aqui no consultório é dos pacientes que chegam reclamando de uma perda de aderência da sua pele, seja facial ou corporal. Isso se dá, principalmente, pela perda de uma proteína que nós temos que é o colágeno.

Isso repercute clinicamente por uma queda muito grande que nós temos na face, uma perda de aderência da pele aos planos mais profundos, muitas vezes até o aparecimento do que a gente chama popularmente de “bochecha de buldogue”, aquele excesso de pele na parte inferior do rosto que faz a gente perder o limite da mandíbula, o contorno facial dessa região.

O que eu observo é isso leva o paciente a uma situação em que abaixa tremendamente sua autoestima. Quando há essa perda de aderência, ele percebe que está envelhecendo e isso pode trazer, inclusive, problemas sociais, já que ele vai ter mais dificuldade em expor o seu rosto e, principalmente, o corpo numa praia ou piscina.

Existem recursos para isso, inúmeros recursos e essa é a boa notícia!

Nós temos bioestimuladores que fazem com que o próprio organismo volte a produzir esse colágeno. Também existem tecnologias que nos permitem fazer com que nosso organismo volte a ter um maior depósito de colágeno.

Quando começamos a envelhecer?

O que a gente observa é que a partir dos 35 anos de idade nós já temos naturalmente uma perda de colágeno que se manifesta clinicamente e é exatamente nesse sentido que a gente gostaria de prevenir o envelhecimento.

Nesse tipo de situação a gente solicita que o paciente procure o seu médico para esclarecer quais os tratamentos disponíveis para repor essa proteína tão importante e necessária que é o colágeno no nosso organismo.

O que acontece é que, apesar de ser uma proteína muito importante, ela possui poucos aminoácidos. O que quer dizer isso? Que ela possui poucas estruturas para sua formação, para sua síntese.

E uma coisa é essencial nesse caso: a vitamina C.

Para que a gente tenha um bom depósito de colágeno o que nós temos que ter antes de mais nada no organismo são alguns nutrientes, entre eles a vitamina C, para nos ajudar na construção e reposição desse colágeno que nós perdemos.

Realmente é uma proteína fundamental e que pode ser reposta, tanto em indivíduos mais jovens como em pessoas um pouco mais envelhecidas, a partir dos 55, 60 anos de idade.

Existem inúmeros tratamentos capazes de devolver a autoestima de cada pessoa. Para cada uma delas existe um tipo de tratamento específico e nós gostaríamos que você procurasse o seu médico para que nós, que temos um pouquinho mais de entendimento nessa ação, possamos oferecer para você o que há de melhor.

Give a comment