Pular para a barra de ferramentas

Peeling Diamante

“Os diamantes são os melhores amigos das mulheres”

Atualmente, a célebre frase se aplica ao peeling de diamantes, técnica que está fazendo sucesso nos centros de estética e que virou a maior aliada da pele feminina.

O peeling de diamante nada mais é do que um tipo de dermoabrasão que tem como função a renovação celular, devolver a elasticidade, clarear as manchas, diminuir a oleosidade, a acne, tornando a pele mais uniforme, assessorar na remoção de cicatrizes, manchas de pigmentação e rugas finas restaurando a estrutura da pele.

Ao contrário dos outros métodos utilizados em estética facial, o peeling de diamante ou também chamado de peeling diamantado, é menos invasivo e causa menos danos em razão do tamanho dos cristais de diamante proporcionando, assim, um procedimento seguro e indolor eliminando a necessidade de anestesia.

O procedimento é feito com uma caneta com ponta de lixa diamantada que desliza sobre a pele promovendo uma esfoliação que remove a pele morta contribuindo não só para a melhoria da circulação sanguínea na pele, mas também o aumento da taxa metabólica nos tecidos da pele, que estimula a formação dos elementos conectivos que estão presentes nas peles jovens como colágeno – proteína natural da pele -, elastina e ácido hialurônico, tornando a pele mais elástica, suave e fresca.

O procedimento do peeling diamantado não requer qualquer tipo de recuperação permitindo que os pacientes retornem imediatamente para seu trabalho diário e atividades sociais. Apenas é necessário ficar mais atento com o cuidado em lidar com a nova pele. Durante esse período faz-se necessário o uso de protetor solar, evitanto ficar próximo a objetos muito quentes ou ficar exposto à luz solar direta.

Lembramos por fim, que o peeling de diamante não é uma técnica de uso exclusivo. É necessário associá-lo ao uso de produtos cosméticos.